The Sundering: o retorno de Forgotten Realms

Com o advento da nova edição do Dungeons & Dragons, que a Wizards chama de D&D Next, mas que eu acho que chamaremos de "quinta edição", nada melhor do que estabelecer um mundo básico para o cenário. E o mundo escolhido foi nada menos que o famoso Forgotten Realms, os Reinos Esquecidos.
Bom, até aí tudo bem, mas se a ideia da nova edição é trazer os bons tempos do RPG de volta, como utilizar um cenário que foi totalmente modificado na última edição?
A resposta é simples: The Sundering!


Mas que diabos é isto? The Sundering (separação, divisão, cisão, fenda), é o início de uma gigantesca campanha, que envolve romances, games online, campanhas de marketing e os famigerados D&D Encounters. Os materiais disponíveis irão conter estatísticas de regras da nova edição (D&D Next), da Edição 4 e também da 3.5. Tudo isso para trazer de volta a antiga glória do maior cenário de campanha conhecido.
Então vamos conhecer um pouco da história disso tudo.

O fim da Era da Turbulência está próximo!


The Sundering vai remodelar o Forgotten Realms, envolvendo todo o panteão de deuses, muitas nações, inúmeros indivíduos e o tecido do próprio cosmos. Forças poderosas, tanto mortais e divinas, serão postas em movimento, e irão trazer um fim à Era da Turbulência. No decorrer deste evento, os jogadores terão a oportunidade de ajudar a moldar o futuro de Faerûn e tornar-se parte de sua lenda.


O mundo de Forgotten Realms tem sofrido catástrofes após outra apenas no século passado, desde o Tempo das Perturbações através da Praga Mágica. Vez após vez, essa agitação remodelou o Panteão, nações e governantes, e até mesmo a geografia do mundo mudou. Agora, o mundo está sendo abalado e reformulado, mais uma vez, pela última vez. Os deuses serão jogados no caos da promessa de um novo acerto de contas do panteão, e eles lutarão e se agarrarão com força na esperança de consolidar suas posições de autoridade. Seus agentes mortais em todo o mundo, os escolhidos, são acusados ​​de realizar a sua vontade em todos os aspectos da vida.

A Praga Mágica, a catástrofe que remodelou o mundo de forma tão dramática, chegou ao fim. O Teia da magia está novamente tecida, e muitos efeitos prolongados de magia selvagem desapareceram. A mistura de mundos trazidas pela praga também chega ao fim, com o que pertence a Abeir retorna ao Abeir, deixando os Forgotten Realms assim como fez antes.

Em parte, impulsionada pela atividade dos deuses e decorrente da turbulenta situação política no final da Era de Turbulência, as nações e facções de Faerûn se envolverão nas suas próprias manobras, manipulações e atos de agressão. Em particular, o império de Netheril tenta conquistar a Terra dos Vales, Cormyr e Myth Drannor, desencadeando uma guerra que engolfa as terras orientais. A Harpistas e os Zhentarim responderão às crescentes ameaças ao mundo, reagrupando e reorientando as suas energias, voltando lentamente à sua antiga proeminência. Unidas, geografia, magia e até mesmo os deuses estão mudando para sempre, nas dores do parto que anunciam uma nova criação. O mundo precisa de heróis para garantir que a nova idade amanheça luminosa e cheia de esperança, onde o bem ainda brilha como um farol contra a escuridão.

Os romances de suporte do evento:

The Companions (Os Companheiros) - Esta mais recente edição do famoso R.A. Salvatore, os companheiros se dirigem para uma nova era de Forgotten Realms. Como o destino de Drizzt está na balança, ele reflete sobre a vida dos aliados de confiança que estavam ao seu lado durante toda a sua vida, os amigos agora conhecidos como os Companheiros do Salão. Enquanto isso, os primeiros sinais da Sundering começam.


The Godburn (O Flagelado) - O legado de Erevis Cale ainda vive com o seu velho inimigo Mefistófeles procurando eliminá-lo a qualquer custo. O filho de Cale, Vasen, foi protegido contra a esquemas escuros do arqui-diabo, sozinho entre os servos do Senhor da Luz que o criaram desde o nascimento. Vivendo em um remoto mosteiro situado entre os Picos do Trovão de Sembia, Vasen é assombrado por sonhos de seu pai, preso no inferno congelado de Cania. Ele sabe que chegará o dia em que ele deve assumir o seu papel no drama da revelação do divino através de Faerûn. Mas Vasen não sabe qual esse papel, ou se ele está pronto para assumir. Ele só sabe o que seu pai disse-lhe em sonhos, que ele não deve falhar.


The Adversary ( O Adversário) - No terceiro livro da série The Sundering, o premiado Erin M. Evans lança sua Farideh em um redemoinho de política diabólica e intriga mágica. Capturada por agentes Nethereses e trancada em um campo de prisioneiros, Farideh rapidamente descobre que seus companheiros presos não são simplesmente inimigos de Netheril, mas as pessoas conhecidas como Escolhidos que possuem poderes ocultos, os poderes que Netheril está ansiosa para explorar ou destruir. Com os amigos de Farideh e sua irmã numa corrida de resgate desesperado, Farideh é inserida mais profundamente no mistério da trama Netherese ao lado de dois agentes secretos Harpistas. Mas será um desses aliados próximos vir a ser um adversário de seu passado?


The Reaver (O Salteador) - Sem sinopse disponível.


The Sentinel (O Sentinela) - Sem sinopse disponível.


The Herald (O Arauto) - Sem sinopse disponível (mas olha quem tá na capa!!!).


As aventuras semanais (D&D Encounters), disponibilizadas para o evento:

Murder in Baldur's Gate (Assassinato em Portal de Baldur)


Sangue nas ruas! A riqueza flui para a cidade de Portão de Baldur como água. Com os luxuriantes ricos em suas mansões no topo da falésia e artesãos em seus comércios nas ruas íngremes, massas de trabalhadores pobres a engrossar as favelas. Dinheiro e poder geram escândalo político, fervor religioso, crime e... assassinato. Ninguém se sente seguro nas ruas enlameadas e escuras. Estranhos e deuses estrangeiros são adorados em santuários secretos. A cidade está repleta de corrupção. E por tudo isso, a contagem de corpos continua subindo.
Assassinato em Portão de Baldur apresenta a cidade no tempo de The Sundering, um período que vai definir o futuro dos Reinos Esquecidos. Além de fornecer 64 páginas de informações em profundidade sobre a cidade e seus habitantes, este produto inclui uma aventura de 32 páginas angustiantes em que os personagens terão de defender a cidade contra um antigo mal que se pensou estar morto. Assassinato em Portão de Baldur permite aos personagens participar de eventos importantes ligados ao The Sundering e vislumbrar o futuro dos Reinos Esquecidos.

Legacy of the Crystal Shard (Legado da Estilha de Cristal)


O povo do Vale do Vento Gélido são resistentes e há muito tempo lutam contra os perigos do Norte. Os acontecimentos que abalaram a região há cem anos atrás são agora uma memória distante. Mas o que foi derrotado não foi destruído. Agora, quando as forças convergem para dez cidades, as pessoas do Norte enfrentam seu maior teste. Para superar estas ameaças, os aventureiros devem subir mais uma vez para desafiar o mal.

Você ainda pode ir acompanhando seu passo a passo semanal dos Encounters pelo site da Wizards, onde há um MAPA com todas as localidades de Portão de Baldur.
É isso, espero que tenham gostado. Abraço.

7 comentários:

  1. Olha simplesmente sensacional! só estou com medo desse sistema novo, mas o mundo de Forgotten PROMETE! Tio Elminster is back! quero ver ele chutando bundas!

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho acompanhado os playtests desde que começou, posso dizer que muita coisa não me agrada, mas o esforço está sendo grande. Vamos ver o que dá. E também não é nada impossível adaptar esse excelente cenário pra qualquer outro sitema. Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Tarrasque Mendigo14/08/2013 01:05

    A Wizards conseguiu acabar com o Forgotten Realms na 4ª edição. Houve total omissão quanto às figuras importantes do cenário, como Drizzt ou Elminster (este teve uma singela menção de, apenas, 23 linhas no Guia de Campanha). Duvido muito que consigam se recuperar da burrada que fizeram. Ainda mais perdendo suas melhores "ideias", como anda ultimamente...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não houve missão nao, nas Dragaon e Dungeon Magazine falam deles, com ficha e tal, eu achei muito legal isso, o personagem principal são os jogadores, acho ate legal voce encontrar com Drizzt e Elminster porem nao com aquelas fichas inacreditaveis.

      Gostei do FR 4ª pq os mal estao realmente mals, são poucos os focos de personagens bons ( e talvez)

      Excluir
    2. Tarrasque Mendigo14/08/2013 15:17

      Acontece que a Dragon e a Dungeon Magazine são materiais complementares. As personagens importantes deveriam ser descritas no material oficial do cenário. Em razão a isto, houve uma perca significativa na parte da narração e interpretação.

      Excluir
    3. Dragon e Dungeon Magazine são materias completamentares SIM, tanto que existe um livro chamado Dragon/Dungeon Anual que reune as melhores aventuras e textos para das revistas, e o senhor Elminster e Drizzt estao nele, a questao é procurar =)

      Excluir
    4. Tarrasque Mendigo15/08/2013 23:51

      Mas não foi isso o que eu disse?

      Excluir