Prévia de raças: os Nephalin de Inclinação Infernum


Como antes combinado, mostraremos um pouco dos Nephalin de Inclinação Infernum, também três únicas Línea dessa Inclinação registradas hoje no mundo. Assim como tudo que estamos mostrando, é apenas um resumo (muito resumido) dessas Línea, na qual os dados sobre elas estão gerando  dezenas e dezenas de páginas.

     A seguir: Prévia dos poderosos caçadores de Nephalin, os Diluvian.

Línea: Serviçais da Luz Perpétua  "Os legítimos herdeiros da Terra"


Estereótipo: Os Serviçais costumam possuir muita elegância e beleza em suas vestes e comportamento refinado, pois a maioria está entre grandes empresários e líderes da Sociedade Quimérica, como políticos ou generais. Não são adeptos de força física para a resolução de seus problemas (veem até mesmo com desdém e inferioridade), apesar de muitos Homens trabalharem o corpo para a beleza, como verdadeiros metro-sexuais. Costumam trazer uma aura amigável que cativa a raça Humana facilmente mas um experiente observador enxergar o cinismo; se mostram frios e cruéis quando necessário aos seus interesses. 
Descendem: Lúcifer, o Anjo que se rebelou contra seu pai.
Religiões: Satanismo Tradicional ou Teísta, centrado no culto a Lúcifer como uma deidade e na necessidade da todas as raças se submeterem a ele, principalmente a Humana; o mesmo tem a maioria de adeptos nas classes mais abastadas da sociedade, com seus templos incrustados de forma discreta dentro dos arranha-céus das cidades, mas também podem ser encontrados em bairros mais afastados do centro e mesmo em cidades interioranas. 
Símbolo: Costumam tatuar ou marcar em brasa no corpo o selo de Lúcifer, originalmente encontrado no Grimorium Verum, livro demonologista do ano 1517.



Línea: Baluarte dos Ímpios "Anunciadores do Inferno do amanhã"



Estereótipo: Os Ímpios são os maiores guerreiros cruéis e assassinos sanguinários entre todos os Esclarecidos de Inclinação Infernum. Como uma antítese da força dos Bastiões, a força bruta e as formas mais rápidas e sujas de vencer um conflito são usadas, com o cuidado de não levar o oponente a uma morte rápida, para que ele sofra um pouco mais. Se adaptam no visual e comportamento a todos os ambientes como os mais violentos do mesmo, sejam Skin Head's de classe média ou Líderes de gangues dos subúrbios, onde preferem atuar. Assim como se animam com um bom sangue gratuito, sabem manipular muito bem para obter isso; através do domínio mundial do tráfico de drogas, brincam com usuários e traficantes como soldados de plástico em guerras de tabuleiros, enquanto riem de forma estérica por tanto sangue derramado.   
Descendem: Abigor, Demônio da Guerra e ex-capitão de Lúcifer (traiu o mesmo para seguir o caminho de tomar o inferno para si) que comprou as almas de um grupo original de Nephalin para escondê-los da destruição do Dilúvio no inferno.
Religiões: Os Ímpios criaram um culto a Abigor, mas os templos se restringem às sedes de sua Ordem Real. Preferem, e é mais conveniente, "orarem" na prática do que lhes dá poder: incitar violência, morte e desgraça entre os Humanos. 

Símbolo: Costumam tatuar uma lança, a arma que Abigor costuma carregar consigo segundo os próprios Baluarte dos Ímpios.



Línea: Arautos da Ganância "Os derradeiros sobreviventes"




Estereótipo: Os Gananciosos são o que existe de mais podre e perigoso em termos de negócios e manipulação de poderes entre os Esclarecidos. Influentes sobre meio mundo de negócios ilícitos, foram os que mais rapidamente se adaptaram ao mundo moderno. Seguidores da filosofia "o fim justifica qualquer meio", acreditam que seja o Inferno que vencer, estarão preparados para a recepção, como bons administradores dos negócios dos vencedores. São informantes para qualquer situações e negociadores sensatos, mas ninguém confia nos Gananciosos, apesar de no fim das contas muitas vezes acabarem sendo o que resta para se encontrar um objetivo. Em aparência costumam estar em roupas caras e adornados com muitas jóias, escondidos entre as pessoas que frequentam seus clubes e boates.


Descendem: Penemue, anjo que ensinou a mentira e corrupção aos Humanos.

Religiões: Os gananciosos não tinham uma religião mesmo depois de forjarem a Ordem Real específica dos mesmos ainda na Idade Média, e se apoiavam em todo tipo de formas de mentiras e corrupções como meio de enriquecimento, um pouco como os Baalihan o fazem com o Vicius. Mas com o Advento dos próprios Baalihan adotaram a influência sobre o Satanismo de LaVey para incrementarem seus negócios e obviamente adquirirem fiéis.

Símbolo: Os Gananciosos tinham como "amuleto" barras de ouro em seus aposentos, mas com o sucesso que adquiriram com o Satanismo de LaVey adotaram o símbolo do pentagrama invertido, mesmo adotado pela religião. 


Publicado e criado por: http://espiritolivrerpg.blogspot.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário