Características das raças em Nephalin - A Falange dos Esquecidos -

Características comuns a todas as raças


         
As raças em Nephalin - A Falange dos Esquecidos - (Nephalin, Humanos, Diluvian, Ninrodian, Baalihan) possuem características essenciais que as tornam o que são. Abaixo apresentamos um breve resumo das mesmas, deixando claro aqui que são muito mais complexas em compreensão e significado.


1º O Spiritum:
            É a essência dos seres vivos, o sopro da vida dado por Iehowh, o senhor da criação.  Originalmente, a forma desse elemento que sustenta os seres vivos coexistia apenas com o aspecto Umbral, em outras palavras, não se vivia em um lugar de matéria; o primeiro a ter um corpo material foi Lúcifer, expulso dos Céus. Essa mudança fez o poder de seu Spiritum decrescer muito para poder criar um corpo material. Isso aconteceu também com os Humanos, cujo as ações de Adão e Eva os levaram a expulsão do Éden, espaço sagrado entre o mundo Espiritual e a Terra. Talvez essa condição de fraqueza seja a explicação para a não vinda de Anjos ou Demônios a terra nessa época. Todas as outras raças hoje viventes na matéria, com exceção dos Humanos, já surgiram fora do aspecto Umbral, hoje a explicação aceita do porque conseguirem controlar suas Manifestações, e os Humanos não.

2º A Línea:
            A Línea significa a descendência, a geração referente ao ser poderoso que foi responsável pela criação de determinada parte de uma raça. É dela que se origina a natureza das Manifestações, e em muitos aspectos a própria psicologia dos diferentes seres.

3º As Manifestações:

            Estas são os poderes sobrenaturais que ouvíamos em muitas historinhas de terror na infância, ou alvo de pesquisas de parapsicólogos da Quiméria. Toda raça esclarecida pode controlar seus Spiritum para criarem uma extensão dos mesmos do Umbral para a matéria, tocando-a e exercendo diferentes ações, mas invisíveis a não ser que o observador possua alguma habilidade especial. Elas também são responsáveis pela maioria dos mitos criados pelos Humanos, que em suas cabeças os forjam e a combinação de delírio coletivo com o poder de seus Spiritum que desconhecem e não controlam os tornam quase reais.

4º A Inclinação:
           
            É a relação que os indivíduos possuem com a existência, ao nascerem ou se colocarem em um dos lados do Litígio, seja ele Celestium, Infernum ou Neutrum.

5º A Fé

            Fé é uma condição que todos os indivíduos possuem em igualdade, mas que varia dependendo do próprio Spiritum, de qualidades mentais, da determinação e principalmente, da situação em que a Fé é testada. Por isso se fala em Estado de Fé, e não Fé absoluta. Também representa o quanto um indivíduo acredita em seus objetivos e sentido de vida, sua força de vontade em cumprir suas missões ou seus interesses próprios, em nome de um dos lados do Litígio.


Publicado e criado por: http://espiritolivrerpg.blogspot.com/
            

3 comentários:

  1. Ola gostaria de entrevistar vocês!
    Por favor mandem um e-mail para casadosdragoes@gmail.com pois não achei o contato no blog para enviar um e-mail a vocês.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Vou providenciar o local de contatos...fiz tantas mudanças nos últimos dias que esqueci de colocar isso.

    ResponderExcluir
  3. Obrigado pela preocupação Renato...entramos em contato...

    ResponderExcluir